VOLTAR

,

06.07.2017

Postado por Alessandra Salgueiro

Qual é o verdadeiro Palmeiras?

Barcelona de Guayaquil 1×0 Palmeiras – Ida das Oitavas de Final da Copa Libertadores da América 2017

Antes mesmo de entrar em campo o Verdão sofreu sua primeira baixa. Alejandro Guerra recebeu a notícia de que seu filho de 3 anos havia se afogado na piscina e retornou às pressas para o Brasil. Querendo ou não, emocionalmente todos ficaram abalados.

Com a ausência de Guerra, Cuca teve que mexer no time e Zé Roberto foi pro meio, com Bruno Henrique e Thiago Santos. Já Tchê Tchê foi improvisado na lateral direita e Juninho na lateral esquerda.

Os primeiros 90 minutos do confronto contra o Barcelona, do Equador, não tiveram o desfecho que todo palmeirense desejava.

cesar greco1

Mas quero ressaltar nossa defesa com Mina e Luan, uma zaga jovem e rápida. E estou bem satisfeita como o Luan, que definitivamente encaixou no time e vem jogando muito bem pela esquerda enquanto Mina vai pela direita. Acho que essa será a zaga mais utilizada daqui pra frente.

Acredito que o Palmeiras fez um bom primeiro tempo, mas parou no goleiro equatoriano e, em outros momentos, errou nas finalizações.

cesar greco5

Já na segunda etapa as coisas foram bem diferentes; os equatorianos pressionaram e perdemos nosso meio de campo, ficamos acuados e errando muitos passes. Cuca mexeu pra dar mais fôlego ao time, mas tivemos pouquíssimas chances. Já nós acréscimos veio o castigo, pois após o chute do atacante do Barcelona a bola desviou em Thiago Santos e enganou Prass. Coisas do futebol, nem sempre vence o melhor.

Perdemos por 1×0 e acredito que temos todas as chances do mundo de reverter o resultado aqui. Acredito muito nesse time e tenho a certeza de que no jogo da volta, no dia 9 de agosto, todos jogarão suas vidas e sairemos com a vitória e a classificação.

cesar greco2

Mas até lá, temos que esquecer a Libertadores e voltar nossas atenções pro Campeonato Brasileiro, pois serão 8 jogos e mais 1 pela Copa do Brasil, contra o Cruzeiro, no dia 28/07.

E é contra esse mesmo Cruzeiro que vamos jogar no próximo domingo, pela 12ª rodada do Brasileirão. E precisamos vencer pra nos mantermos no G4 e ficarmos mais perto do topo.

Espero que Guerra possa estar em campo, pois fez muita falta ontem. Um meia com sua qualidade e inteligência é coisa rara e é peça fundamental em qualquer time. Vamos Palmeiras! Vamos com tudo pra Minas e buscar mais uma vitória.

Vamos Verdão com muita raça e com vontade faz vibrar meu coração. Pra sacudir essa cidade, o meu Palestra campeão!

 

Fotos de Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Ler mais da Alessandra Salgueiro

Ler mais do Palmeiras

Ler mais da Copa Libertadores da América

A Bola que Pariu