VOLTAR

,

10.10.2017

Postado por Colaboradoras

Vitória para consolidar a liderança

Internacional 1×0 Brasil de Pelotas – R29 Campeonato Brasileiro Série B 2017

Com o placar magro e várias chances desperdiçadas, o Inter chega a mais uma vitória, na 29° rodada. Consolidando-se cada vez mais na liderança, o Colorado dá mais um passo ao seu reingresso à Série A. Como de costume, Guto Ferreira escalou força máxima, mostrando-se focado em cada rodada.

A escalação da equipe contra o Brasil de Pelotas se deu sem surpresas e com a volta de Víctor Cuesta. O zagueiro Léo Ortiz foi para o banco de reservas e Rodrigo Dourado, que está lesionado, proporciona uma nova oportunidade para Charles no time principal.

01

A primeira boa oportunidade surgiu logo aos 10 minutos, Pottker é lançado por Edenílson dentro da área e chuta. Pitol faz boa defesa, mas dá rebote para Pottker, que dribla o goleiro e chuta na rede pelo lado de fora. Porém, o gol saiu somente aos 50 minutos do primeiro tempo, num lance de bola parada onde nosso capitão D’Alessandro cobra falta no primeiro poste. Damião, bem posicionado, se adianta e cabeceia sem chances para o goleiro Xavante.

No início do segundo tempo, o atacante Sasha é expulso por pontapé em Éder. A partir daí o Internacional teve que redobrar a atenção com a marcação e explorar os contra-ataques. Guto Ferreira substituiu D’Alessandro e Damião por Camilo e Nico López. Com isso, manteve o controle do jogo e as saídas perigosas nos contra-ataques. Camilo e Nico tiveram chances de ampliar, entretanto, pararam no goleiro Marcelo Pitol. Nos poucos lances de perigo que o adversário ofereceu encontramos uma defesa mais segura com Víctor Cuesta e o goleiro Danilo Fernandes, que foi bem nos lances nos quais foi exigido.

02

Os pontos positivos da partida foram as atuações do zagueiro Cuesta, que trouxe mais tranquilidade à defesa colorada; de Edenílson, que fez uma grande partida, ajudando a dar segurança na defesa e um apoio qualificado no ataque e de Damião, que desde a sua chegada vem sendo peça fundamental no esquema proposto por Guto Ferreira. O ponto negativo da partida foi a arbitragem, por sua falta de firmeza na condução disciplinar do jogo, o que resultou em 11 cartões amarelos (8 para o Brasil e 3 para o Inter) e um vermelho.

Comemora torcedor colorado, estamos cada vez mais perto de voltar de onde nunca deveríamos ter saído. Faltam 2 vitórias e 9 jogos para terminar o campeonato. E, enfim, obter o acesso a tão sonhada série A. Nosso pesadelo está acabando.

 

Por Luana Ortiz

Fotos: Instagram @r_duarte75

Ler mais do Internacional

Ler mais do Campeonato Brasileiro – Série B

A Bola que Pariu